Translate

domingo, 15 de outubro de 2017

Inteligência de Mercado


Inteligência de mercado é;
Business Intelligence é;
Inteligência competitiva é;



É Filtro;
Conciso, direto, completo, composto, entendível, desenhável, resumido, é macro e é micro, quali e quanti, é verdade é a realidade ou é o mais próximo do real, é interpretação, desenvolvimento e conclusão em forma de solução para tomada de decisão.

A grande verdade é que nos tempos atuais somos bombardeados de informações, o volume é tão grande de geração de conteúdo que é difícil compreender como você chegou até aqui! Rsrs Isso mesmo, estou falando de você.  Quem é você ¿ rsrs Eu me atrevi a tentar entender o que as pessoas (como você) que procuram por assuntos relacionados a inteligência de mercado, buscariam. Fiz um cruzamento das palavras certas e, aqui você. O processo segue esse fluxo, mas é um pouco mais complexo. Vamos lá!


No Brasil , o mercado entende Inteligência de Mercado da seguinte forma:

Business Intelligence (BI) - Especialista em TI
Inteligência competitiva (IC) – Especialista Comercial e em estratégias
Inteligência de Mercado (IM)  – Especialista em pesquisa, estatística e Marketing estratégico.

Uma área de inteligência de mercado robusta provavelmente vai precisar dos três perfis mencionados acima (ou um três em um), no entanto o mercado está entendendo agora (com a crise no Brasil) a necessidade de ter um profissional de inteligência de Mercado. Então, na maioria das empresas, ou tem um perfil ou tem outro, dificilmente terá os três. L Uma pena, não é mesmo¿
Por que três perfis de profissionais¿

TI
BIG DATE – O processo de coleta, armazenamento e cruzamento dos dados disponíveis na rede é complexo, um robô pode e deve facilitar esse trabalho que muitas vezes é feito de forma manual pela ausência de um profissional de TI na área de BI, IM , IC nas empresas.


Comercial
Agrega no processo de entendimento da performance interna da empresa e no relacionamento com os clientes, sensibilidade e percepções de mercado. Os profissionais que atuam com vendas, normalmente possuem conhecimentos que não estão escritos em lugar nenhum, são experiências agregadora e que colaboram para o “ajuste fino”, a proximidade esses especialistas comerciais sempre agregam nas estratégias competitivas das companhias.  

Pesquisa, Estatística e Marketing.
Nos ajuda a dimensionar as áreas estratégicas de estudo de mercado, desenhar novos cenários, articular para atuações no futuro, aplicar métodos para análises e, a planejar de uma forma mais ampla.

A Área de inteligência de mercado precisa das seguintes visões;

   Externo < – > Interno < - > Predições 

- Olhar para o mercado ou seja, para fora da companhia, para entender os acontecimentos possíveis a curto, médio e longo prazo.  Tendências de mercado.
Um olhar interno que entenda as limitações de mercado, que compreenda o comportamento de consumo dos clientes, que possua a sensibilidade que não está descrita em lugar algum.
- Um olhar para o novo, com base nos cenários existentes ou não.

        
Continua...

Hoje, nós já temos algumas boas explicações sobre o que é inteligência de mercado, segue algumas definições;

Coleta – análises – insight – tomada de decisão

¹Transformar dados brutos (sobre mercados, concorrentes e comportamento de consumo, por exemplo) em informação relevante, insights, para as empresas.
² Inteligência de Mercado é juntar os pontinhos!! É simples, mas exige estratégia. Lembra quando você era criança e ganhava gibis com umas páginas cheias de números para ligar os pontos na sequência e ver qual figura formava? O tempo passou e até hoje fazemos as mesmas coisas, só que agora com nomes bem mais sofisticados: Networking, Benchmarking, Searching, Business Intelligence,....

Essa é a definição que eu mais gosto !

Fonte
²http://inteligencia-de-mercado.blogspot.com.br/2009/01/mas-afinal-o-que-inteligencia-de.html


Nosso site : www.co-h2h.com
E-mail: atendimento@co-h2h.com
Faça download de planilhas gratuitas aqui:
https://drive.google.com/drive/u/1/folders/0BySJeZeLNQ-0elN0Y3RodnJRU2M


domingo, 2 de abril de 2017

MATRIZ GE OU BCG


Matriz GE - Matriz Priorização em estratégias 



No mundo dos negócios, como em qualquer outro lugar, o problema da escassez de recursos está afetando as decisões das empresas. Com recursos limitados, mas muitas oportunidades de usá-los, as empresas precisam escolher como usar melhor seu dinheiro. A luta pelos investimentos ocorre em todos os níveis da empresa: entre equipes, departamentos funcionais, divisões ou unidades de negócio. A questão de onde e quanto investir é sempre uma dor de cabeça para os tomadores de decisões.
Como isso, afeta os negócios diversificados. Muitas empresas gerenciam carteiras de negócios complexas, carteira de clientes diversificados, muitas vezes, com até 500produtos e diferentes serviços. Os produtos ou unidades de negócio diferem em o que fazem. Isso torna muito difícil tomar uma decisão em quais produtos, mercado ou público-alvo a empresa deve investir. No que tange produtos temos hoje a matriz BCG e sua versão melhorada matriz GE-McKinsey que veio ajudar a tomada de decisão.Essas ferramentas resolveram o problema comparando as unidades de negócios e atribuindo-as aos grupos que valem a pena investir ou aos grupos que deveriam ser colhidos ou alienados.
Matriz de matriz GE-Mckinsey em branco de células nince.  As unidades de negócio são traçadas no eixo x, que medem a força de uma unidade de negócios e do eixo y, que medem a atratividade da indústria.
Na década de 1970, a General Electric estava gerenciando um enorme e complexo portfólio de produtos não relacionados e estava insatisfeita com o retorno de seus investimentos nos produtos. Na época, as empresas geralmente se baseavam em projeções de fluxos de caixa futuros, crescimento no mercado futuro ou algumas outras projeções futuras para tomar decisões de investimento, o que não era um método confiável para alocar os recursos. Por conseguinte, a GE consultou a McKinsey e Company, como resultado, foi concebido o quadro de nove caixas. A matriz de nove-caixa traça e demonstra em suas 9 células indicando se a empresa deve investir em um produto, colhe-lo / desmembrá-lo ou fazer uma pesquisa adicional sobre o produto e investir nele e, se ainda houver alguns recursos restantes será avaliado os dois eixos: a atratividade da indústria e a competitividade de uma unidade.

Atratividade da indústria

A atratividade indica quão difícil ou fácil será para uma empresa competir no mercado e consequentemente ganhar lucros. O mais rentável a indústria é o mais atraente. Ao avaliar a atratividade da indústria, devemos considerar mudanças ao longo prazo, porque os investimentos necessários para o produto geralmente exigem um compromisso duradouro.
A atratividade da indústria consiste em muitos fatores que coletivamente determinam o nível de competição nele. Não há uma lista definitiva de quais fatores devem ser incluídos para determinar a atratividade da indústria, mas a seguir veremos os mais comuns:


Os fatores externos típicos que afetam a atratividade do mercado são:
  • Tamanho do mercado
  • Taxa de crescimento do mercado
  • Lucratividade do mercado
  • Tendências de preço
  • Intensidade da rivalidade dos concorrentes
  • Risco total do retorno dos investimentos no setor
  • Barreiras para entrada no setor
  • Oportunidades de diferenciação dos produtos/serviços
  • Variação da demanda
  • Segmentação do mercado
  • Estrutura de distribuição
  • Desenvolvimento tecnológico

Competitividade

Ao longo do eixo X, a matriz mede quão forte, em termos de concorrência, uma determinada unidade de negócios é versos seus competidores. Em outras palavras, os gestores tentam determinar se uma unidade de negócios tem uma vantagem competitiva sustentável (ou pelo menos uma vantagem competitiva temporária ) ou não. Se a empresa tem uma vantagem competitiva sustentável, "Por quanto tempo será sustentável?"
Os seguintes fatores determinam a força competitiva de uma unidade de negócios:
  • Os fatores internos típicos que afetam a força competitiva da unidade de negócios são:
    • Força dos ativos e competências
    • Força da marca em relação à concorrência (ligado ao esforço de marketing)
    • Participação de mercado
    • Paxa de crescimento da participação de mercado
    • Lealdade dos clientes
    • Posição de custo em relação aos concorrentes (ligado à estrutura de custos da empresa)
    • Margem de lucro em relação aos concorrentes
    • Capacidade de produção e força de distribuição
    • Patentes tecnológicas e de outras inovações
    • Qualidade
    • Acesso a recursos financeiros e investimentos
    • Capacidade administrativa

Vantagens

  • Embasa a Tomada de Decisão. Como?!
  • Ajuda a priorizar os recursos limitados para obter os melhores retornos.
  • Os gestores tornam-se mais conscientes de como seus produtos ou unidades de negócios agem.
  • É uma estrutura de portfólio de negócios mais sofisticada do que a matriz BCG.
  • Identifica as etapas estratégicas que a empresa precisa fazer para melhorar o desempenho de seu portfólio e negócios.

Desvantagens

  • Requer uma consultoria ou uma pessoa altamente experiente para determinar a atratividade da indústria e a força de suas unidades de negócios de forma precisa.

Qual o perfil de profissional tem especifidades necessária para atuar nesta área?

  • Profissionais com formação e experiencias voltadas para negócios e inteligência de Mercado.
  • Especialistas/Analista de Inteligência de Mercado
  • Especialistas/Analista em Estratégias
  • Especialistas/Analista Business Intelligence
  • Especialistas/Analista de planejamento Estratégico e ou Orçamentário

Fontes

  1. McKinsey & Company (2008). Idéias duradouras: A matriz GE-McKinsey de nove-caixa. Disponível em: http://www.mckinsey.com/insights/ strategy / enduring_ideas_the_ge_and_ mckinsey_nine-box_matrix
  2. David, FR (2009). Gestão Estratégica: Conceitos e Casos. 12a ed. FT Prentice Hall
  3. Wiki (2008). Matriz de BCG & matriz de GE / McKinsey. Disponível em: http://wiki.telfer.uottawa.ca/ci-wiki/index.php/BCG_Matrix_%26_ GE / McKinsey_Matrix

domingo, 12 de março de 2017

Posicionamento Estratégico


Como  definir os nossos concorrentes (players) através do posicionamento estratégico ?!

O posicionamento estratégico 

É a posição relativa ao desempenho de uma empresa dentro de um determinado setor, segmento ou modelo de negócio. O posicionamento estratégico reflete as escolhas que uma empresa faz sobre o tipo de valor que irá criar e entregar em forma de valor agregado aos seus clientes e dessa formar se diferenciar dos seus rivais. O posicionamento estratégico pode ser definido em três tipos: preço premium, intermediário ou custos mais baixos para a empresa.


Uma pausa em conceitos, vamos exemplificar.........



Imagina, você inicia uma partida de basquete e de repente olha para sua volta e observa que os jogadores são profissionais de futebol.
Você  chegará a conclusão que está no jogo errado.
Suas manobras não vão servi para competir com jogadores de futebol.

 Segue ai a primeira dica :
 Entre nas partidas que você saiba jogar ;)






 Alcançar um desempenho superior versos seus concorrentes.


É possível competir em baixo custo e ser diferenciado ao mesmo tempo, mas as empresas que tentam ser tudo para todos os clientes podem ficar presas no meio, um erro estratégico o conhecido "Beijo da Morte".

PROCURANDO VANTAGEM COMPETITIVA?!

O papel do estrategista é criar um desempenho superior dentro de uma determinada indústria. Como um estrategista pode aumentar a lucratividade? A resposta está em ter uma vantagem competitiva. As empresas devem procurar "espaço em branco" no seu segmento e,  o que geralmente significa competir em uma das duas frentes.

Diferenciação

Conduzir os preços é uma maneira de aumentar a rentabilidade. Para comandar um preço Premium, uma empresa deve oferecer valor distintivo aos clientes. 

Exemplos: 

Status - Marca
Promoção com qualidade ( Embalagens, ambiente, campanhas de promoção entre outras)
Programas de fidelidades
Atendimento diferenciado 
SAC - Pré-venda e pós venda
Prestação de serviço de alta qualidade
Entrega no prazo ou com antecedência ( Vai depender do perfil do cliente. Acredite, se for um presente de casamento seu cliente não vai querer receber com antecedência ou fora do prazo)
Descontos não pretendidos

Estes itens ajudam a "tangibilizar" a entrega de valor, não significa que apenas estes ajudam. Para entender melhor o perfil do seu público alvo, é necessário ir a campo, investigar, analisar quais atributos seus clientes consideram como parte da entrega de valor percebido através da compra de alto preço.  Seus clientes são os seus tesouros valiosos você não vai querer perde-los, não é mesmo?!

Liderança de Custos

A redução dos custos é outra forma de aumentar a rentabilidade. Para competir em custo, as empresas devem equilibrar preço com qualidade aceitável. 

Segundo Philip Kotler em seu livro ‘Administração de marketing: a análise, planejamento, implementação e controle’ . Ele apresenta as sete estratégias de posicionamento denominadas de posicionamento específico.

:: Posicionamento por atributo: A empresa se posiciona com certo atributo ou aspecto. Um fabricante de cerveja afirma que é o mais antigo do mercado (Por exemplo- atributo Credibilidade)

:: Posicionamento por benefício: O produto promove o benefício. Um determinado sabão em pó  afirma lava melhor. (Entrega um resultado eficiente )


:: Posicionamento por uso/aplicação: O produto é posicionado como o melhor para um fim específico. A Nike descreve um dos seus tênis como o melhor para corrida. ( Informa a finalidade do produto)


:: Posicionamento por usuário: O produto é posicionado em termos de grupo-alvo de usuários. A Apple Computer expõe seus computadores/softwares como os melhores para designers gráficos. ( Informar quem é o seu público alvo)

:: Posicionamento por concorrentes: O produto sugere ser diferente, ou melhor, que o produto concorrente. A 7-UP denomina-se Uncola. ( Segundo,  Geofrey Holder o Uncola é o melhor refrigerante de todos porque refresca)

:: Posicionamento por categoria: A empresa pode descrever-se como a líder da categoria. A Kodak significa filme. ( A Kodak se posicionava através de uma das categorias do seu portfólio) 

:: Posicionamento por preço/qualidade: O produto é posicionado em determinado nível de preço. O Chanel nº 5 é o perfume de alta qualidade e preço elevado. (Relaciona qualidade e preço)

Faço seu comentário, discorde, interaja e ajude!

sábado, 11 de março de 2017

OBZ - Orçamento Base Zero





Orçamento base zero é uma das metodologias de planejamento orçamentário que é comumente conhecida como OBZ, esta ferramenta requer que os gestores justifiquem todas as suas despesas orçadas, em vez de uma abordagem mais comum de apenas exigir justificação para alterações incrementais ao orçamento ou aos resultados reais do ano anterior. Assim, um gerente é teoricamente assumido a  ter uma linha de base zero de despesa . OBZ é um plano feito do zero, sem antecedentes por isso funcionam, tudo precisa ser cuidadosamente orçado e alinhado. 

Na realidade, supõe-se que um gerente tenha um montante mínimo de financiamento para as operações básicas do departamento, acima do qual o financiamento adicional deve ser justificado. A intenção do processo é focar continuamente o financiamento em objetivos-chave de negócios e encerrar ou reduzir qualquer atividade que já não esteja relacionada a esses objetivos.

O fluxo de processo básico sob orçamento de base zero é:

Identificar objetivos estratégicos do negócio
Criar e avaliar métodos alternativos para realizar cada objetivo
Avaliar níveis de financiamento alternativos, dependendo dos níveis de desempenho planejados estabelecer prioridades.
O conceito de  despesas em camadas também pode ser usado em sentido inverso, onde você delinear os custos específicos e investimento de capital que serão incorridos se você adicionar um serviço ou função adicional. Assim, a gerência pode fazer determinações discretas da combinação exata de custo incremental e serviço para seu negócio. Este processo normalmente resultará em pelo menos em um nível de serviço mínimo, que estabelece uma base de custo abaixo da qual é impossível para uma empresa ir, juntamente com várias gradações de serviço acima do mínimo.

Vantagens do OBZ

Há uma série de vantagens para o orçamento de base zero, que incluem:

Análise de alternativas: 
O OBZ exige que os gerentes identifiquem de forma alternativa  cada atividade (como mantê-la em casa ou terceirizá-la), bem como os efeitos de diferentes níveis de gastos. Ao forçar o desenvolvimento dessas alternativas, o processo faz com que os gerentes considerem outras formas de gerir o negócio.
Inflação orçamentária:
Os gerentes devem amarrar as despesas com as atividades, dessa forma, torna-se menos provável que orçamentos possam inflar - a mudança é demasiadamente fácil de moldar
Comunicação: 
O orçamento base zero deve desencadear um debate significativo entre a equipe de gerenciamento sobre a missão corporativa e como ela deve ser alcançada.
Eliminar atividades não-chave: 
Uma revisão do orçamento base zero obriga os gerentes a decidir quais atividades são mais críticas para a empresa. Ao fazê-lo, eles podem eliminar ou  direcionar as atividades não-chave para terceirização.
Foco na Missão: 
Uma vez que o conceito OBZ requer que os gerentes liguem os gastos às atividades, eles são forçados a definir as várias missões de seus departamentos de forma mais definida.
Identificação de redundância: 
A revisão pode revelar que as mesmas atividades estão sendo conduzidas por vários departamentos, levando à eliminação da atividade fora de foco, proporcionado o melhor direcionamento das despesas e Custos.
Revisão necessária: 
O uso da ferramenta OBZ de forma regular faz com que seja mais provável que todos os aspectos de uma empresa sejam examinados periodicamente.
Alocação de recursos:
Se o processo é conduzido como uma missão global da  companhia para alcançar seus objetivos a organização deve direcionar seus esforços alvejando alocar seus fundos nas áreas onde são mais estratégica para companhia.
Em suma, muitas das vantagens do OBZ baseiam-se em um olhar forte e introspectivo sobre a missão do negócio e exatamente como o negócio está alocando seus recursos para atingir essa missão.

Desvantagens da OBZ

A principal desvantagem do OBZ é o nível excepcionalmente elevado de esforço necessário para investigar e documentar as atividades de cada departamento; Esta é uma tarefa difícil, mesmo uma vez por ano, o que faz com que algumas empresas use esta ferramenta de forma alternada em cada ano e não anualmente, ou quando há mudanças significativas dentro da organização. Outra alternativa é exigir o uso do orçamento base zero em uma base contínua através de diferentes partes de uma empresa ao longo de vários anos, de modo que a gestão possa lidar com menos revisões anuais.

Outras desvantagens são:

A Burocracia: 
A criação de um orçamento  base zero a partir de uma base contínua exige uma quantidade enorme de análises, reuniões e relatórios, o que exige pessoas adicionais para gerir o processo. 
Neste processo, algumas empresas nomeiam os Donos de Pacotes. A empresa agrupa suas despesas e custos em grandes grupos para melhor gerir seus gostos , desta forma é possível nomear responsáveis para esses grandes grupos de despesas e custos. Os Donos de pacotes por sua vez nomeiam seus facilitadores .
Conheça o jogo:
 Alguns gerentes podem tentar desviar seus relatórios de orçamento para concentrar as despesas nas atividades mais vitais, garantindo assim que seus orçamentos não sejam reduzidos.
Justificativas intangíveis. 
Pode ser difícil determinar ou justificar níveis de despesas para áreas de uma empresa que não produzem resultados concretos e tangíveis. Por exemplo, qual é a quantidade correta de despesas de marketing e quanto deve ser investido em atividades de pesquisa e desenvolvimento?
Tempo de gestão:
 A revisão operacional exigida pelo orçamento base zero requer uma quantidade significativa de tempo de gestão.
Treinamento:
Os gerentes exigem treinamento significativo no processo de orçamento base zero, o que aumenta ainda mais o tempo necessário a cada ano.
Atualizar velocidade
O esforço adicional necessário para criar um orçamento base zero torna ainda menos provável que a equipe de gerenciamento revise o orçamento de forma contínua para torná-lo mais relevante para a situação competitiva.

Acesse nosso site: www.co-h2h.com
e-mail: atendimento@co-h2h.com

Planejamento Estratégico - Parte I

"Um plano é uma intenção ou um projeto. Trata-se de um modelo sistemático que se elabora antes de realizar uma ação. Neste sentido, um plano também pode ser o conjunto das disposições necessárias para concluir um projeto"


Planejar é um ato importante no mundo dos negócios, mas é importante ressaltar que o plano precisa ser elaborado de forma correta e imparcial. O plano estratégico não poder ser feito para atender a uma necessidade em particular de algum membro da empresa, mas sim, deve ser cuidadosamente elaborado para direcionar o futuro da Companhia.

Conceituando........

O que é o planejamento estratégico?
É um processo sistemático de vislumbrar um futuro desejado e traduzir essa visão em metas ou objetivos amplamente definidos e uma sequência de etapas para alcançá-los.

As subdivisões do Plano estratégico: 


Estratégico

Em contraste com planejamento de longo prazo (que começa com o atual estatuto e estabelece um caminho para atender às necessidades futuras estimadas), plano estratégico começa com o fim desejado e trabalha para trás para o status atual.
Em cada estágio do planejamento estratégico de longo prazo, o planejador pergunta:

 "O que deve ser feito aqui para chegar ao próximo (mais alto) estágio?"

Além disso, em contraste com o planejamento tático (que se concentra em alcançar objetivos intermediários estreitamente definidos com meios predeterminados), o planejamento estratégico olha para o quadro mais amplo e é flexível na escolha de seus meios.

Tático

Este é o estágio de desdobramento dos objetivos e metas para os diferentes departamentos e áreas da companhia. 
A pergunta comum  no plano tático é:

De que forma vamos colaborar para atingir o objetivo da companhia?

Operacional

Nesta etapa as metas e objetivos estratégicos tornam-se em ações ou rotinas diárias para atingimento dos objetivos estratégicos.

Importante saber....

Um bom planejamento estratégico deve permitir que você tenha os modelos de negócios certos para que o seu negócio floresça a longo prazo na medida certa.

Um bom  planejamento estratégico irá ajudá-lo a ver dois passos à frente de seus competidores de negócios e manter a vantagem competitiva.

Ao tentar decidir para onde ir em uma  viagem de estrada os dois melhores amigos trouxeram um mapa e fez algum planejamento estratégico no caminho.........



segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Matriz GUT - Priorização das ações estratégicas da Companhia


Matriz GUT

Matriz GUT da Coruja do Business







                                                          
                                                                                                                    Em um mundo cada vez mais competitivo precisamos agir rapidamente e de forma eficiente.
As empresas precisam priorizar suas ações estratégicas, no entanto sabemos que nem tudo que é urgente é importante e nem tudo que é importantes é urgente , para agir de forma correta devemos priorizar as ações por seu grupo de relevância, caso contrário perderemos tempo, mão-de-obra, e dinheiro em planos que não tem uma grande relevância estratégica para companhia e com isso, acabaremos depositando esforços e perdendo o foco apenas nos planos urgentes. Há uma ferramenta da qualidade que nos ajuda a executar os planos de ações  que são realmente importantes para companhia.
A Matriz GUT é uma ferramenta bastante utilizada pelas empresas, principalmente, com o intuito de priorizar os problemas e consequentemente tratá-los, levando em conta suas gravidades, urgências e tendências.
Utilizando o método de decisão de prioridades corretamente, agiremos nas ações, problemas, projetos mais importantes para o resultados almejado por sua companhia 

Fale com a Co-Business (é grátis) e, nós podemos te ajudar. 
E-mail: atendimento@co-h2h.com


Faça um download gratuito de um modelo em excel da Matriz GUT. É gratis!

https://drive.google.com/drive/u/1/folders/0BySJeZeLNQ-0elN0Y3RodnJRU2M


domingo, 29 de janeiro de 2017

5W2H


5W2H

A ferramenta 5W2H é outra poderosa solução no mundo do Business pois é um método que organiza e estabelece as ações necessárias para o sucesso da sua companhia , o nome desta ferramenta foi estabelecido pelas iniciais destes sete nomes (em inglês) veja a seguir:

What = O que fazer?
Ex. Pesquisa de mercado
Why = Por que fazer?
Ex. Para entender melhor o mercado e embasar a tomada de decisão
Where = Onde fazer?
Ex. Via WEB - Survey Monkey
Who = Quem vai fazer?
Ex. Área de IM
When = Quando fazer?
Ex. Primeiro trimestre de 17
How = Como fazer?
Ex. Questionários WEB
How much = Quanto custa?
Ex. 3.5 Mil reais
Esta metodologia ajuda entender a necessidade da realização de algumas ações veremos a seguir uma  outra metodologia que organiza as ações a serem tomadas. 

Fale com a Co-Business (é grátis) e, nós podemos te ajudar. 
E-mail: atendimento@co-h2h.com



Faça um download gratuito de um modelo em excel da ferramenta 5W2H. É gratis!

Download free


Siga a nossa page para nos ajudar a continuar com esse trabalho Obg. :)